XENTRY Flash

Image Slider

O XENTRY Diagnosis tornou-se ainda mais seguro!

A programação e codificação de ECUs (XENTRY Flash) requer uma segunda autenticação adicional e obrigatória para cada utilizador. Este processo é semelhante a uma autenticação TAN, conforme comummente utilizado em serviços bancários online.

Para realizar a autenticação, saiba que precisa de um de dois fatores de segurança:

  • Aplicação de smartphone de autenticação (por exemplo, PingID, Microsoft Authenticator)

OU

  • Chave de segurança USB
    Pode usar qualquer chave de sua preferência, desde que suporte o padrão FIDO2.
    Disponível em lojas físicas/online especializadas em eletrónica ou diretamente junto do fabricante.

Recomendamos que configure ambas as opções o mais rápido possível, Pois, no caso de perder um dos fatores de autenticação, tem sempre disponível o segundo fator de autenticação!

Disponibilizamos um HelpCard resumido para download, para ajudá-lo a configurar comodamente cada um dos fatores de autenticação.

Aceder ao HelpCard

— Helpcard (PDF)

Reposição do segundo fator

Saiba que tem várias opções no caso de não conseguir autenticar-se:

1) No caso de ter perdido/esquecido o seu smartphone, mas configurou outro segundo fator (chave de segurança USB), tem a possibilidade de usar este segundo fator.

2) E se não tiver o segundo fator configurado? Entre em contacto com o administrador da sua entidade. O administrador da sua entidade pode redefinir o segundo fator para que a partir desse momento possa criar um novo. identifique o administrador da sua Entidade através do serviço de suporte online Alice usando para tal o seu atual acesso ao sistema. Como? Clique em "Administradores". 

Instruções para administradores da Entidade sobre como redefinir o segundo fator (PDF).

Múltiplas utilizações para a sua oficina

Seja para programar, codificar SCN/CVN ou inserir códigos de equipamento: o XENTRY Flash pode ser usado com veículos ligeiros de passageiros Mercedes-Benz Passenger Cars (incluindo smart*, Maybach e SLR), bem como com veículos comerciais ligeiros Mercedes-Benz Vans.
Convenientemente, todos os processos são totalmente integrados no software de diagnóstico (XENTRY Diagnosis, XENTRY DAS) exigindo menos intervenção manual dos seus operacionais.

* exceto modelo smart nº 1

Codificação SCN automática e documentação reversa VeDoc

Após a programação da unidade de comando, a codificação SCN (se permitida pela unidade de comando), bem como a documentação reversa, são executadas automaticamente no VeDoc Vehicle Documentation System. Quaisquer alterações feitas no veículo ou no software da unidade de comando são atualizadas na ficha de dados do veículo, no VeDoc Vehicle Documentation System.

Início de sessão único para um trabalho conveniente (login único)

Depois de iniciar sessão numa das nossas aplicações de apoio aos serviços da Oficina (por exemplo, XENTRY Flash, WIS etc.), deixa de ser necessário iniciar a sessão nos sistemas online centrais, resultando em fluxos de trabalho mais suaves e instantâneos na atividade da sua oficina.

Direitos do Utilizador de Diagnóstico

Novos direitos de acesso de utilizador de diagnóstico, a partir de 06/2020

Com a introdução do facelift do Classe E e do novo Classe S, um novo conceito de segurança vem sendo introduzido, o qual também tem efeitos significativos no software de diagnóstico XENTRY Diagnosis.

A partir do lançamento de dados de 06/2020, o sistema pede ao Cliente para que seja inserido o nome de utilizador e respetiva senha de acesso personalizados de modo a poder aceder à nova série de modelos Classe E e Classe S. Ou seja, deixa de ser possível realizar qualquer diagnóstico nestes veículos sem introduzir esta informação que agora é automaticamente solicitada. Isto significa que estes veículos já não podem ser reparados/diagnosticados sem autorização de acesso ao diagnóstico. Cada utilizador deve passar por um processo de identificação de modo a adquirir os direitos de utilizador correspondentes para o facelift do Classe E e modelos subsequentes. Tenha em atenção que já não é possível diagnosticar estas séries de modelos com o XENTRY Diagnosis Kit 2. Para tal, vai precisar pelo menos, do vai precisar do XENTRY Diagnosis Kit 3.

Saiba quais são os dois tipos de direitos de acesso:
• XENTRY Standard Diagnosis (para utilizadores de diagnóstico sem autorização do XENTRY Flash, por exemplo, para ler e apagar falhas registadas na memória)
• Utilizador XENTRY Flash (corresponde ao atual utilizador do XENTRY Flash)

Por favor, tenha em consideração uma das seguintes opções:

Direitos de utilização do XENTRY Flash:
O utilizador já tem direitos de acesso para utilizar o Xentry Flash: Cada utilizador com direitos de acesso ao Xentry Flash, deve passar pelo processo de identificação único no Portal UMAS, de forma independente, através do link https://umas.mercedes-benz.com/umas.
• O utilizador não tem direitos de acesso para o Xentry Flash: O utilizador deve solicitar os direitos de acesso para o XENTRY Flash através do seu representante local / Parceiro Autorizado para o fornecimento de peças (Oficina Autorizada). Em seguida, deve passar pelo processo de identificação único no Portal UMAS, através do link no https://umas.mercedes-benz.com/umas.

Direitos de acesso XENTRY Standard Diagnosis:
Cada utilizador de diagnóstico deve solicitar, de forma independente, os direitos de diagnóstico padrão no Portal UMAS, através do link https://umas.mercedes-benz.com/umas e realizar o processo de identificação único. Também pode ser necessário para a equipa de suporte específica do mercado orientada para as Oficinas Independentes, criar o utilizador no GEMS se ele ainda não tiver um ID de utilizador.

Em que consiste o diagnóstico baseado em certificados e qual a razão pela qual foi introduzido?

O veículo está a transformar-se gradualmente num "computador móvel". Isso, por sua vez, torna o veículo o objeto alvo de ataques de hackers e uso indevido. O número de notícias na imprensa tem crescido enormemente. Os regulamentos UNECE exigirão, no futuro, a proteção dos veículos. A Mercedes-Benz está também a introduzir as medidas de segurança correspondentes.
Para ajudar a proteger contra qualquer acesso não autorizado a diagnósticos, a nova arquitetura de software do veículo Mercedes-Benz está agora disponível com certificados de segurança relacionados com o utilizador.

Quais os veículos afetados?

O diagnóstico baseado em certificados foi introduzido nos veículos a partir do facelift Classe E (modelo série W213 facelift) com unidades de comando individuais. O Classe S W223 viu a introdução completa. No futuro, todas as novas séries de modelos e facelifts serão equipados com diagnóstico baseado em certificado.

Quais as alterações que foram introduzidas no processo de diagnóstico?

No futuro, para permitir que o diagnóstico seja realizado, será necessário um certificado fornecido pelo fabricante. No início de uma sessão de diagnóstico, este certificado é trocado entre o interface/dispositivo de diagnóstico usado pelo utilizador e o veículo. Este processo é arquivado na aplicação do dispositivo e é executado em segundo plano.

Onde pode ser obtido o certificado? Como é o processo de registo?

Sou um Cliente Profissional (Oficina independente):

  • Se possuo o XENTRY Diagnosis Kit 3 ou 4, ou se utilizo o XENTRY Pass Thru EU, os certificados são fornecidos pela Mercedes-Benz AG.

  • Se possuir uma ferramenta de diagnóstico de um fabricante independente, os certificados são fornecidos pelo fabricante da ferramenta, se este tiver celebrado um acordo correspondente relativamente à utilização de dados com a Mercedes-Benz AG.

Sou um fabricante de ferramentas de diagnóstico:

Sou um Centro de Inspeções Técnicas Obrigatórias:

Quais os custos para o Cliente?

Os certificados são disponibilizados pela Mercedes-Benz AG a todos os Clientes, de forma gratuita.

Quais são os dados necessários? (Referência/identificação pessoal, etc.)

Tal depende do nível de acesso envolvido.

  • As autorizações de acesso de leitura estão vinculadas a uma organização e devem ser emitidas para uma operação da organização/serviço

  • As autorizações de acesso por escrito são personalizadas e requerem autenticação pessoal prévia - na Mercedes-Benz AG ou no fabricante/fornecedor independente da ferramenta.

O que ainda pode ser lido e continua disponível sem restrições através do OBD? Quais as funções que já não posso desempenhar sem um certificado?

As funções OBD-II (SAE J1979) continuam disponíveis sem quaisquer restrições.
Para todas as funções adicionais, são necessários certificados de diagnóstico vinculados a uma organização ou a uma pessoa, dependendo do nível de autorização de acesso envolvido.

XENTRY Flash Support

Pode selecionar a categoria adequada em “Precisa de ajuda?”. Se não encontrar uma resposta adequada nas FAQ, abra um bilhete no final da página.